terça-feira, 25 de novembro de 2008

Quase um soneto


Não tenho o dom da poesia
Expresso apenas o sentimento
Como agora, neste momento
Tento compartilhar minha alegria.

Conhecendo minhas limitações
O que sinto é mais forte
Como a bússola indicando o Norte
Teimo em falar de emoções.

Seja Emília ou Narizinho
Provas de nossa cumplicidade
Não dá pra esconder o carinho

Quem me trouxe a felicidade
Foi vc, um anjinho
Quem eu adoro de verdade.

Um comentário:

Mirella disse...

Minhas mães! Amo muito.